2º Seminário Internacional Espaços Narrados: as línguas na construção dos territórios ibero-americanos

O seminário propõe discutir as representações dos espaços e territórios ibero-americanos, com destaque para o papel das línguas na constituição dos imaginários, das paisagens e dos seus significados.

A narrativa como forma de reconhecimento, compreensão e proposição de um devir é, portanto, o foco de interesse do seminário: as línguas portuguesa, espanhola e nativas configuram os patrimônios culturais identificados com lugares e sistemas de comunicação de sentimentos, percepções e visões de mundos em trânsito e em diálogo por estes múltiplos territórios.

Conhecer a variedade das narrativas nos seus mais diversos propósitos, meios, suportes e linguagens é uma forma de abordar os significados construídos sobre os lugares ibero-americanos.

Voltemos a nossa atenção para as ações produzidas pela consciência inscrita nas línguas ao se confrontarem com o desafio do conhecimento do espaço, do território, da paisagem e do lugar: descrever, inventariar, discriminar, ordenar, cartografar, valorizar, eleger, formular, propor, fundamentar, imaginar, visualizar, representar e desenhar.

A viagem é um tema onipresente nos espaços narrados – a própria narrativa é, antes de tudo, viagem – espaços apresentados pela perspectiva do narrador a outrem. As línguas, seja como instrumentos de representação dos territórios físicos ou imaginados, seja como atividade do pensamento, são essencialmente viagem: trânsito entre o visto e o imaginado, entre o percebido e o interpretado, entre a forma e o significado, entre a imagem e a palavra, entre a fala e a escrita. E sendo viagem, as línguas são, sobretudo, aproximações.

Com igual importância, na proposta deste seminário emerge um outro tema central: o reconhecimento da valiosa contribuição da literatura para a arquitetura e o urbanismo, para a sensibilização e para o entendimento das nossas sociabilidades, das nossas imensas culturas urbanas, das nossas expressões sobre o morar e o viver, das nossas cidades e da pluralidade de nossos povos.

Livros, revistas e jornais; romances, crônicas e poesias; manifestos, discursos e aulas; relatos, descrições e inventários; mapas, cartas e documentos; pintura, fotografia e cinema – narrativas sobre espaços, narrativas sobre nós mesmos, presentes na arquitetura e no urbanismo.

Subtemas:

1 – As crônicas, os inventários e a literatura na construção dos lugares;
2 – Paisagens culturais ibero-americanas: língua, patrimônio e narrativa;
3 – As cidades e a navegação das ideias;
4 – Viagens: relatos e iconografias;
5 – Cartografia, desenho e palavra;
6 – Tradução e trânsito entre linguagens.

Concepção e organização:

Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU) e Instituto de Estudos Brasileiros (IEB) da Universidade de São Paulo
Data: 4 a 7 de junho de 2019.
Local: FAU e IEB – USP – Cidade Universitária – São Paulo, Brasil

Programação:

Dia 4 de junho:
15:00 às 16:00h: credenciamento e entrega de material
16:00h: Sessão de abertura: apresentação do Seminário / Apresentação artística
17:00h: Lançamento de livros e abertura da exposição / Coquetel de boas-vindas 

Dia 5 de junho:
8:30/10:00h: Mesa Redonda Sub-tema 1
10:00/11:30h: Mesa Redonda Sub-tema 2

Café
12:00h/13:00h: Conferência 1: Arquiteto (Espanha) – Rafael Moneo

Almoço
14:30/16:00h: Sessões Temáticas – sub-temas 1, 2 e 3
16:00/17:30h: Sessões Temáticas – sub-temas 4, 5 e 6

Café
18:00h: Conferência 2: Escritor (Brasil) – Chico Buarque

Dia 6 de junho:
8:30/10:00h: Mesa Redonda Sub-tema 3
10:00/11:30h: Mesa Redonda Sub-tema 4

Café
12:00h/13:00h: Conferência 3: Arquitetos (Chile) – Mauricio Pezo & Sophia von Ellrichshausen

Almoço
14:30/16:00h: Sessões Temáticas – sub-temas 1, 2 e 3
16:00/17:30h: Sessões Temáticas – sub-temas 4, 5 e 6

Café
18:00h: Conferência 4: Escritor (Argentina): Alberto Manguel

Dia 7 de junho:
8:30/10:00h: Mesa Redonda Sub-tema 5
10:00/11:30h: Mesa Redonda Sub-tema 6

Café
12:00h/13:00h: Conferência 5: Arquiteto (Portugal) Gonçalo Byrne

Almoço
14:30/16:00h: Sessões Temáticas – sub-temas 1, 2 e 3
16:00/17:30h: Sessões Temáticas – sub-temas 4, 5 e 6

Café
18:00h: Conferência 6: Escritor (Moçambique) João Paulo Borges Coelho
19:30h: Sessão de encerramento e confraternização

Comitê Científico
Luís Antônio Jorge – FAU/USP – São Paulo – (presidente)
Ana Maria de Moraes Belluzzo – FAU/USP – São Paulo
Ana Claudia S. V. Castro – FAU/USP – São Paulo
Marta V. Bogea – FAU/USP – São Paulo
Fernando Paixão – IEB/USP – São Paulo
Paulo T. Iumatti – IEB/USP – São Paulo
Iris Kantor – FFLCH/USP – São Paulo
Fraya Frehse – FFLCH/USP – São Paulo
Abílio da Silva Guerra Neto – FAU/UPM – São Paulo
Cecília Rodrigues dos Santos – FAU/UPM – São Paulo
Lucrécia D’Alessio Ferrara – PUC/SP – São Paulo
Margareth Aparecida Campos da Silva Pereira – FAU/UFRJ – Rio de Janeiro
Robert Moses Pechman – IPPUR/UFRJ – Rio de Janeiro
Ana Luiza Nobre – PUC/RJ – Rio de Janeiro
Flávio de Lemos Carsalade – EA-UFMG – Belo Horizonte
Paola Berenstein Jacques – FA-UFBA – Salvador
Angela Prysthon – UFPE – Recife
Maria Stella Martins Bresciani – IFCH/UNICAMP – Campinas
Alex S. Calheiros de Moura – IHD/UnB – Brasília
Carlos Eduardo Comas – UFRGS – Porto Alegre
Maria Madalena A. Cunha Matos – FA/UL – Lisboa
Ana Cristina F. Vaz Milheiro – FA/UL – Lisboa
Pedro António Janeiro – FA/UL – Lisboa
Jorge Figueira – CES/UC – Coimbra
Luís Eugénio da Silva Lage – FAPF/UEM – Maputo
Alejandro Tapia – UAM-Xochimilco – Cidade do México
Luis Antonio Rivera Díaz – UAM-Cuajimalpa – Cidade do México
Mariana Ozuna Castañeda – FFL-UNAM – Cidade do México
Adrián Gorelik – UNQ – Buenos Aires
Graciela Silvestri – Universidad Nacional de La Plata
Jorge Vicente Ramírez Nieto – UNC – Bogotá
Sharif Samir Kahatt Navarrete – PUC Peru – Lima
Victoria Saramago – The University of Chicago
Bruno Carvalho – Faculty of Arts and Sciences – Harvard University

Inscrições: http://www.fau.usp.br/espacosnarrados2/index.html