IABSP DEBATE POLÍTICAS PÚBLICAS – INUNDAÇÕES EM SÃO PAULO: DRENAGEM URBANA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

Na atual temporada de chuva, a RMSP já registrou, ao menos, 24 ocorrências de morte. Desta vez, alguns reservatórios apresentaram falhas nas bombas e capacidade de armazenamento reduzida por falta de manutenção. Para além de evidenciar a importância da zeladoria contínua, a falha desvela como nosso sistema de drenagem é dependente de tais estruturas e de como elas não são suficientes.

Na temporada chuvosa, reacende o debate sobre as soluções contra inundações para a cidade, polarizado entre medidas estruturais, de maior porte e engenharia pesada, ou de menor porte e impacto, que visam ampliar a absorção da água no solo, promover situações de detenção mais difusas e menos concentradas, com melhor aproveitamento paisagístico. Medidas não estruturais, como planejamento territorial, associado às questões de macro e microdrenagem e à diminuição de vulnerabilidades ficam em segundo plano. Como avançar nesse debate considerando a complementariedade entre elas?

Participantes:
Luciana Travassos (UFABC)
Luiz Fernando Orsini Yazaki (Poli/USP)
Renato Anelli (Iau-USP)
André Delfino da Silva (MDF)
Eduardo Trani (Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente)

Mediação:
Renata Moreira (IAB São Paulo)

quinta-feira
21 de março às 19h30
Rua Bento Freitas, 306