IABsp + Jornada do Patrimônio 2017

No dia 19/08 o IABsp participará da 3ª Jornada do Patrimônio, organizada Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo, com diferentes atividades ligadas ao patrimônio, arquitetura e urbanismo. Desde 2015, quando foi realizada a primeira edição da Jornada do Patrimônio, o IABsp participa com a realização de iniciativas culturais, com o intuito de contribuir para a discussão sobre a preservação do patrimônio cultural.

Neste ano a edição terá o tema “Construindo Histórias”, e o IABsp contribuirá por meio da realização visitas guiadas ao Edifício-sede do IABsp, palestras e um passeio com roteiro arquitetônico pelo centro de São Paulo.

Além destas atividades, das 14h00 às 18h00 estará ocorrendo uma feira de livros, organizada pelo entre:FAUs – coletivo das entidades estudantis de arquitetura e urbanismo estudantes – em parceria com o IABsp. Após as 18h00 haverá uma festa aberta, com música, comidas e bebidas.

Veja a programação e acompanhe!!!

_ Visitas ao Edifício-sede do IABsp

Construído na década de 1950, o Edifício-sede do IABsp resultou de um concurso de projetos de arquitetura, no qual foi recomendado pelo júri a fusão das três propostas finalistas, de modo que o projeto final foi desenvolvido em conjunto pelos arquitetos Rino Levi, Roberto Cerqueira César, Abelardo de Souza, Hélio Duarte, Zenon Lotufo, Jacob Ruchti, Galiano Ciampaglia e Miguel Forte.

Localizado na região central de São Paulo, compreendido entre o Vale do Anhangabaú, Largo do Arouche e a rua da Consolação, o edifício possui estrutura em concreto armado independente, vedação em cortina de vidro e sua volumetria é resultante de perspicaz interpretação que os arquitetos souberam fazer do repertório modernista, bem como das adaptações locais, relacionadas ao programa de usos, à legislação construtiva e à sua inscrição urbana.

O edifício expressa externamente uma clara subdivisão tripartida. A ampla base, que se relaciona em gabarito com as construções vizinhas mais antigas, compreende no térreo, uma sala multifuncional, o hall de acesso e, acima, o andar com pé-direito duplo e mezanino, que se integram espacialmente e abrigam obras de arte, como o móbile “Viúva Negra”, de Alexander Calder. O corpo central compreende seis andares destinados a escritórios, sendo os dois últimos pavimentos, porém, marcados em relação ao corpo central, pelo recuo das janelas que foram projetadas assim para atender ao Código de Obras e Edificações, que permitia a extensão das lajes dos pisos, em balanço, até o alinhamento do lote, exclusivamente para fins de proteção da chuva e do sol. O subsolo abriga um amplo espaço, que funcionou por muito tempo o “Clube dos Artistas e Amigos da Arte”, e possui acesso totalmente independente.

Para saber mais sobre o Edifício-sede do IABsp, clique aqui!

Endereço: R. Bento Freitas, 306 – Térreo
Horários de visita: durante todo o dia, das 10h às 15h.

_ Passeio arquitetônico pelo Centro de São Paulo

O passeio arquitetônico será um circuitos de caminhada pelas ruas da cidade, tendo como ponto de encontro e partida o Edifício-sede do IABsp, localizado na região central da cidade.

A iniciativa tem o objetivo de divulgar a arquitetura do centro de São Paulo entre turistas, profissionais, estudantes e público interessado, por meio de um passeio a pé no qual são identificadas grandes obras arquitetônicas, referências urbanas e pontos de interesse, além de histórias e curiosidades sobre seus projetos, construções e sua apropriação pela cidade,

Ponto de encontro e partida: R. Bento Freitas, 306 – Térreo
Horário: as 10h30 e as 14h30

 

_ Palestras

Inovações na gestão do patrimônio cultural de São Paulo

Serão apresentados novos instrumentos de preservação cultural: o Selo de Valor Cultural, a Jornada do Patrimônio e a Fábrica de Restauro. Ainda, será abordada pesquisa sobre o desenvolvimento sustentável do bairro do Bixiga.

Palestrante:
Nadia Somekh. Professora Emérita do Mackenzie, foi Presidente do CONPRESP, Diretora do Departamento de Patrimônio Histórico (DPH) (2013-2016), Presidente da EMURB (2002-2004) da Prefeitura do Município de São Paulo, Secretária de Planejamento e Ação Regional de São Bernardo do Campo (2009-2010), Diretora da FAU Mackenzie (2005-2009) e autora do livro “A Cidade Vertical e o Urbanismo Modernizador”, em 2015, entre outros.

Local: R. Bento Freitas, 306 – 1º andar
Horário: 10h

Preservação da arquitetura moderna

Será apresentada e debatida a preservação de edifícios modernos em São Paulo a partir da análise de seus projetos, do reconhecimento de valor, das transformações que passaram e das necessárias intervenções em cada caso, para a preservação destes edifícios.

Palestrantes:
Sabrina Fontenele. Arquiteta e urbanista pela Universidade Federal do Ceará. Mestre e Doutora pela FAU-USP. Pesquisadora de pós-doutorado do IFCH Unicamp onde estuda questões como domesticidade, preservação e arquitetura moderna. Funcionária do Centro de Preservação Cultura da USP (CPC-USP). Autora do livro “Edifícios modernos e o traçado urbano no Centro de São Paulo” (Annablume, 2015).

Silvio Oksman. Doutor pela FAUUSP – Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo –  com mestrado (2011) e graduação pela mesma instituição. Desde 1998 desenvolve projetos de arquitetura com ênfase nas questões da preservação de patrimônio cultural. Entre 2013 e 2016 foi representante do Instituto de Arquitetos do Brasil no CONDEPHAAT e Representante do Brasil no Grupo de patrimônio cultural da UIA. Desde 2009 faz parte do Corpo docente da Escola da Cidade.

Local: R. Bento Freitas, 306 – 1º andar
Horário: 11h30

Aplicação do instrumento urbanístico da Transferência do Direito de Construir na conservação de imóveis tombados

Será apresentado o funcionamento do instrumento urbanístico da Transferência do Direito de Construir (TDC) e a sua aplicação na conservação de imóveis tombados paulistanos como parte de uma política de proteção e valorização dos bens históricos e culturais da cidade.

Palestrantes:
Penha Pacca. Arquiteta urbanista formada pelo Mackenzie, com mestrado em Geografia Urbana pela FFLCH – USP e doutora em Planejamento Urbano pela FAU- USP. Trabalha há 38 na Secretaria de Urbanismo e é diretora da Divisão de Monitoramento de DEUSO/SMUL, Divisão responsável pelo monitoramento de ZEPEC, Outorga Onerosa e Transferência do Potencial Construtivo.

Flávia Peretto. Arquiteta e urbanista pela FAUUSP – Faculdade de arquitetura e urbanismo da Universidade de São Paulo, integrante do programa de Pós-Graduação em Gestão e Prática de Obras de Conservação e Restauro do Patrimônio Cultural da Universidade Federal do Pernambuco. É representante da Secretaria de Urbanismo e Licenciamento no CONPRESP e na Comissão Técnica de Análise de ZEPEC-APC.

Local: R. Bento Freitas, 306 – 1º andar
Horário: 14h00

Territórios de Interesse da Cultura e da Paisagem. Avanços e desafios de sua implementação

A roda de conversa apresenta a discussão sobre os Territórios de Interesse da Cultura e da Paisagem (TICP), instrumento criado no Plano Diretor Estratégico de 2014 e integrante do Sistema Municipal de Patrimônio Cultural.

Os territórios foram concebidos para preservar, valorizar, integrar e articular ações e bens culturais em um determinado perímetro urbano.

A roda trará representantes da sociedade civil que tomaram a iniciativa de discutir e implementar alguns perímetros. No evento serão apresentados o andamento e os desafios de sua elaboração e debatidas estratégias de implementação.

Palestrante:

Danielle Dias de Santana é arquiteta e trabalha no DPH/Conpresp desde 2012 e atualmente é Secretária Executiva do Conpresp. Desenvolveu estudo sobre o TICP e os conceitos de território e paisagem pelo Centro Lucio Costa – Iphan/Unesco.

Presenças confirmadas:

Américo Córdula é consultor de políticas culturais e gestão cultural. Trabalhou no Ministério da Cultura e participa do TICP Consolação.

Diego Monteiro Gomes de Campos é especialista em gestão de pessoas e projetos sociais, mestre em ciência ambiental em que discutiu o TICP na zona leste da cidade. Atuou com coletivos de cultura na zona leste de São Paulo e é membro-fundador do coletivo da Mata.

Eleilson Leite é historiador. É coordenador da área de Cultura da Associação Ação Educativa e responde pela Secretaria executiva da articulação TICP Consolação.

Eliane Manfré é formada em turismo e membro do Conselho dos Amigos do Cine Belas Artes. Participou da elaboração do TICP Paulista-Luz no plano diretor. Colabora com o TICP Consolação.

José Alberto Gonçalves Pereira é jornalista e consultor em sustentabilidade. Membro do Conselho dos Amigos do Cine Belas Artes. Participou da elaboração do TICP Paulista-Luz no plano diretor. Colabora com o TICP Consolação.

Gustavo Freiberg é artista plástico e membro do Instituto Casa da Cidade. É articulador do TICP Pinheiros.

Mario Sergio Bortoto é engenheiro químico. É militante de movimentos sociais, do Movimento pela Reapropriação da Fábrica de Cimento de Perus, da Rede Paulista de Educação Patrimonial (Repep). Atualmente, é assessor do vereador Toninho Vespoli, do PSOL. Participa do TICP Perus.

Regina Célia Soares Bortoto é aposentada da Rede de Ensino Municipal de São Paulo. Participa de movimentos sociais e de educação no bairro de Perus, atuando no Movimento pela Reapropriação da antiga Fábrica de Cimento Portland Perus, na REPEP, Rede Paulista de Educação Patrimonial e na construção da Universidade Livre e Colaborativa. É membro do TICP Perus.

Mediação:

Rossella Rossetto é arquiteta. Compôs a equipe de redação do Plano Diretor de 2002 e 2014 e a da Lei de Zoneamento de 2004. Foi chefe de gabinete da Secretaria da Cultura e membro do Conpresp.

Local: R. Bento Freitas, 306 – 1º andar
Horário: 15h30

Para quem não puder estar presente, as palestras serão transmitidas ao vivo, a partir da página do IABsp no Facebook. Acompanhe: https://www.facebook.com/IABSP/

Para saber mais sobre a 3ª Jornada do Patrimônio – “Construindo Histórias”, acesse: http://jornadadopatrimonio.prefeitura.sp.gov.br/2017/

Para saber como se tornar associado ao IABsp, acesse: http://www.iabsp.org.br/index.php/associe-se/

Em caso de dúvidas, entre em contato:
iabsp@iabsp.org.br
https://www.facebook.com/IABSP/