Projeto Gustavo Penna 73/23 lança livro no IABsp e realiza workshop em São Paulo

No dia 23 de agosto, às 19h00, no IAB SP, o projeto Gustavo Penna 73/23 – 50 anos de Arquitetura, Desenho e Palavra, lança o primeiro volume da coleção de 5 livros que serão produzidos até 2023. O livro intitulado Gustavo Penna 73/83 trata da primeira década de produção do arquiteto, seus mestres, colegas de profissão, os primeiros anos do escritório e remonta um grande quebra-cabeças cronológico.

A publicação traz ao leitor análises de pesquisadores de diferentes escolas de arquitetura: Rosana Parisi, Esther Cervini de Melo, Larissa Pereira, João Marcelo Danza Gandini, da PUC Minas Poços de Caldas; Flávio Carsalade e Adriana Sales, da UFMG; Maria Teresa Diniz, do USP Cidades (PECE-Poli); e Luís Antônio Jorge, da FAUUSP, contando, ainda, com o prefácio assinado pelo ex-Secretário de Estado e Membro da Academia Mineira de Letras, Ângelo Oswaldo de Araújo Santos. Com isso, ao longo dessas páginas é possível percorrer o caminho de amadurecimento do exercício criativo de Gustavo Penna – que sai da escola de arquitetura e se lança ao trabalho, ao fazer e refazer, ao experimentar, ao diálogo com o outro, à percepção prática dos espaços e das possibilidades de relações entre eles e as pessoas.

Nos dias 26 e 27 de agosto, acontece o segundo workshop do projeto que tem como tema: “Cidade abrangente – Uma nova visão da metrópole”. A proposta é refletir sobre as questões que envolvem as grandes metrópoles no século XXI, tendo como foco principal o ponto de vista das pessoas, das conexões criadas entre elas e a cidade e, sobretudo, como o arquiteto, enquanto profissional, pode se colocar como um mediador nos desafios da cidade contemporânea.

As atividades acontecerão no auditório Ariosto Mila, do campus da FAU-USP, e na Escola da Cidade, sob a coordenação da equipe do projeto “Gustavo Penna 73/23”: Diana Penna (coordenadora institucional), Keila Prado Costa (coordenadora editorial), Marcello de Oliveira (direção de arte) e Prof. Dra. Rosana Parisi (coordenadora acadêmica).

Lançamento do Livro
Gustavo Penna 73/83
Data: 23/08, às 19h
IABsp
Rua Bento Freitas, 306 – 1º andar


Workshop
Cidade Abrangente – Uma Nova Visão da Metrópole

Programação:

Dia 26/08
Mesa 1 (09h40 às 11h00): São Paulo e a diversidade cultural
Mediador: Luis Antonio Jorge (USP)
Palestrantes: Aguinaldo Faria (USP) e Mariana Barros (Cidades 21)

Mesa 2 (11:00 às 12:20): Arquitetura e as experiências de diálogos entre espaços e pessoas
Mediador: Guilherme Wisnik (USP)
Palestrantes: Thiago Correa (USP) e Natália Garcia (Cidade para pessoas)

Mesa 3 (14h00 às 15h20): Cultura, Diversidade e Sustentabilidade: Os desafios da cidade contemporânea
Mediador: Ciro Pirondi (Escola da Cidade)
Palestrantes: Marcella Arruda (a cidade precisa de você); o vereador Police Neto; e Bruno Castilho (Gerdau)

Mesa 4 (15h20 às 16h40): Uma nova visão da metrópole
Mediador: Fernando Serapião (Editora Monolito)
Palestrantes: Gustavo Penna + Carla Caffé (Escola da Cidade) 

Dia 27/08
Maratona Arquitetônica para alunos de arquitetura e urbanismo.
Escola da Cidade de 09h30 às 22h00
Desenho de um banheiro público.


Sobre o projeto:
Gustavo Penna 73/23 – 50 anos de Arquitetura, Desenho e Palavra é um projeto de longo prazo, idealizado por uma equipe de professores da PUC Poços de Caldas e com patrocínio da Gerdau, da Uni-BH e da Deca, prevê a publicação de livros, workshops, concursos, plataforma multimídia e exposição. As atividades antecipam as cinco décadas de carreira do arquiteto mineiro que se completarão em 2023.

Para analisar as dezenas de projetos de Penna, um corpo docente multidisciplinar da PUC e de pesquisadores convidados irá se debruçar, de 2018 a 2023, sobre os mais distintos aspectos que caracterizam a obra do arquiteto, incluindo a intercomunicação com a Arte, a Cultura, a História e a Geografia dos espaços. Além disso, o projeto amplia sua atuação para além do eixo acadêmico, convidando para o diálogo entidades de classe, instituições propulsoras de inovação e tecnologia e instâncias de gestão de nossas cidades. Com isso, o projeto Gustavo Penna 73/23 – 50 anos de Arquitetura, Desenho e Palavra se baseia em três pilares fundamentais para pensarmos o exercício da arquitetura no futuro: a Academia, os Arquitetos e a Inovação.

O principal objetivo é criar um elo entre esses três grandes grupos e lançar discussões e reflexões num diálogo amplo, organizado em diferentes eventos ao longo dos cinco anos de estudos. Para motivar os jovens estudantes no exercício de pensar soluções para as nossas cidades, foi estabelecida uma parceria com o IAB-MG para a realização de Concursos de Ideias ao longo desses 5 anos. A equipe vencedora participa de uma Residência Arquitetônica no escritório de Gustavo Penna – uma imersão no dia a dia de trabalho, com atividades voltadas ao exercício prático. Além das atividades já mencionadas, o projeto ainda promove em suas ações a realização de workshops em universidades públicas e privadas do país e prevê uma exposição ao final dessa longa jornada, em Belo Horizonte, em 2023.