Nota de repúdio ao encontro “Retorno seguro das pessoas aos transportes públicos” do Instituto de Engenharia

Apesar dos esforços e das várias manifestações, em diversos setores da sociedade, que apontam o quanto é inadmissível negligenciar a paridade de gênero, em todos os âmbitos, nos deparamos com situações, como o evento do Instituto de Engenharia, a ser realizado em 15 de julho de 2020, com a presença de 12 homens brancos à mesa, para debater o transporte público.
Nós, cidadãs, cidadãos e entidades da sociedade civil, deixamos registrado, por meio desta nota, nosso repúdio em relação à composição da mesa do evento. Solicitamos que sejam tomadas as medidas necessárias para que a equidade de gênero e racial sejam sempre respeitadas, pelo Instituto de Engenharia, neste e nos demais seminários e debates que venha a organizar ou apoiar.
Confiando no comprometimento individual e da organização pela construção de uma sociedade melhor e mais equânime, nos despedimos respeitosamente,

14 de julho de 2020,

aPezito
Associação Todavida
Bike Anjas
CalçadasSP
Canto Cidadão
CaminhaRio
Caraminhola
Carona a Pé
Cidade Ativa
CidadeaPé – Associação pela Mobilidade a Pé em São Paulo
Ciclocidade
CicloMobi
Comitê Políticas Públicas e Cidadania Grupo Mulheres do Brasil Ribeirão Preto
Como Anda
Desvelocidades
DVotto – Consultoria para Cidades
Grupo de Pesquisa Interseções entre Design e Ambiente Construído – IDEA/FAU-UFAL
Grupo de Pesquisa Morfologia dos Espaços Públicos – MEP/FAU-UFAL
Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento de São Paulo – IAB-SP
Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento (ITDP Brasil)
Instituto Corrida Amiga
Metrópole 1:1
Milalá – A Liberdade de Ir e Vir
MobiCicleta Coletivo de Ciclomobilidade de Ribeirão Preto
Mobilidade Humana GV
Mobicidade Salvador
Movimento Sem Terra Leste1
NossaBH
Ocupa Baby
Pé de Igualdade
Pedal na Quebrada
REMS – Rede Esporte pela Mudança Social
Rede MAS – Mulheres Atuando pela Sustentabilidade
Rede Mobilidade Periferias
UCB – União de Ciclistas do Brasil